Registe-se e receba 20% de desconto na 1ª compra, utilizando o código 20%OFFwelcome

Doce Extra de Figo e Laranja com Canela

Preço de saldo

Preço normal €5,50
( / )
Envio calculado na finalização da compra.
Size
Clique em para ser notificado por e-mail quando Doce Extra de Figo e Laranja com Canela ficar disponível.

Este site está protegido pela Política de privacidade da reCAPTCHA e da Google e aplicam-se os Termos de serviço das mesmas.

Este site está protegido pela Política de privacidade da reCAPTCHA e da Google e aplicam-se os Termos de serviço das mesmas.

Salón de Gourmets 2014Salón de Gourmets 2016Great Taste 2017 - 1 Star
Sem Lactose
Vegan
Sem OGM
Feito à Mão
Sem Aditivos

Descrição

Este doce de figo, variedade pingo de mel, produzido na região de Trás-os-Montes, Portugal, é um fruto doce, saboroso e de polpa consistente, misturado com a laranja da região do Algarve, fruto doce e ácido, é finalizado com canela, uma especiaria que durante 200 anos, os Portugueses controlaram o monopólio da comercialização, oriunda do Sri Lanka.

Ideal para harmonizar com queijos, Queijo Serra de Estrela (DOP), “Brie de Meaux“, “Brie de Melun“ (DOP), “Gorgonzola“ (DOP), Queijo “Leyden“ (IGP).

Ideal também para acompanhar Foie-gras, cheesecake de requeijão e sobremesas.

As compotas em bisnaga da meia.dúzia® são nº1 no mundo e foram premiadas com prémios de sabor e inovação em 2014 e 2016 em Madrid no Salão Gourmet de Madrid, ITQI Superior Taste Awards 2015 e 2016 em Bruxelas, e GREAT TASTE no Reino Unido em 2015 e 2017.

  • Descubra mais de 25 sabores destas compotas gourmet em bisnaga, entre sabores tradicionais e sabores exclusivos e ousados, sabores para veganos, sem glúten, e sem lactose.
  • O Método de Produção: Os doces de Fruta são preparados de forma artesanal, em lotes no máximo de 40kg e em panelas, com frutas de várias regiões de Portugal, com mais de 55% de fruta, sem adicionar aditivos e conservantes e com reduzida quantidade de açúcar, mantendo e preservando os métodos tradicionais.
  • Vantagens da Embalagem: As embalagens são práticas, fáceis de utilizar e para barrar, sem necessidade de usar colher. São mais higiénicas, fáceis de transportar, podendo levar para o trabalho, escola e fazer uma pausa com muito sabor. São opacas, sem contacto do produto com a luz, reduzido contacto com ar após a abertura, reduzindo a oxidação e aumentado o tempo de vida do produto.
  • Reciclagem da embalagem: As nossas embalagens são feitas com mais de 99,7 % de alumínio infinitamente reciclado, sem perder qualidade e sem ter de extrair mais da Natureza. Colocar no ecoponto para metais cor amarela.
  • Armazenagem e Conservação: Conservar a temperatura ambiente, após a abertura deve guardar no frio, no frigorifico.
Sugestão de Uso

Sugestão de Uso

Ideal para harmonizar com queijos, Queijo Serra de Estrela (DOP), “Brie de Meaux“, “Brie de Melun“ (DOP), “Gorgonzola“ (DOP), Queijo “Leyden“ (IGP).

Ideal também para acompanhar Foie-gras, cheesecake de requeijão e sobremesas.

Ingredientes

Ingredientes

Figo, laranja, açúcar, canela, pectina de citrinos e sumo de limão. Preparado com 55g de frutos por 100g de doce. Peso líquido: 75 g.

Informação Nutricional

Informação Nutricional

Informação nutricional por 100g: valor energético 175,3 kcal/732,4 kj; hidratos de carbono 43,4 g; dos quais açucares 42,6 g; lípidos 0,319 g; dos quais saturados 0,061 g; proteínas 0,633 g; sal 0,02 g.

Origem das matérias-primas

Origem das matérias-primas

Consoante a época de produção, os figos designam-se por lampos (Maio e Junho) e vindimos (Julho / Setembro). É um fruto de características organolépticas bem marcadas, com grandes qualidades nutritivas, sendo rico em vitaminas B e C e em sais minerais (especialmente cálcio, fósforo e potássio).

A canela apresenta um aroma quente, agradavelmente doce, porém intenso. O seu sabor é quente e fragante, relembrando o cravinho-da-índia e citrinos. Apresenta uma cor castanha-clara, com toques de bronze. Durante 200 anos, os Portugueses controlaram o monopólio da comercialização desta especiaria, oriunda do Sri Lanka.

A canela apresenta um aroma quente, agradavelmente doce porém intenso. O seu sabor é quente e fragante, relembrando o cravinho-da-índia e citrinos. Apresenta uma cor castanha clara, com toques de bronze. Durante 200 anos, os Portugueses controlaram o monopólio da comercialização desta especiaria, oriunda do Sri Lanka.